Viagem

Acredito que todos que estão lendo já tenham viajado ao menos uma vez.

Se meu palpite estiver certo acho que todos devem sabem que o tempo dedicado não é só o tempo que passamos no tal lugar, mas também o tempo para arrumarmos as malas, o tempo para chegarmos até o lugar…

E é exatamente durante essa preparação que  tudo parece não dar certo. Tudo começa com a indecisão sobre quantas e quais peças de roupa levar na mala, depois se será preciso levar algum lanche para comer durante o caminho. Logo em seguida é a  vez da indecisão em relação aos remédios – a pequena lista inclui remédio para dor de cabeça, enjoo, azia, dor nas costas, alergia, gripe,entre outros.

O pior é o horário da partida. Na maioria das vezes, é bem cedo e na noite anterior você quase não dormiu, então é assim, sonolentamente, que você parte para a grande viagem.

Mas apesar de tudo o que você pensou, todo o desespero que você momentaneamente passou, quando você foca na viagem, no momento que você está em lugar diferente descobrindo, conhecendo, tudo simplesmente dá certo e as preocupações desaparecem. Elas só voltam mesmo na hora ir embora que junto com um aperto no coração você se despede sem saber se vai voltar, mas desejando…

E você? O que sente em ralação a viagens?  Deixe um comentário contando um caso peculiar de suas viagens ou o que você faz para evitar a paranóia pré-viagem.

Preciso da ajuda de vocês…

Aqui é Beatriz, desfazendo as malas e descobrindo que esqueceu os brincos no hotel escrevendo para o isso não é bullying.

Anúncios